UFPR: Cursos e Profissões | Expectativas do primeiro dia

Exibido em: 25/08/17

Estudantes de diversos colégios do Brasil participam do primeiro dia da UFPR Cursos e Profissões.
Confira as expectativas da Maiara para o evento.00

Anúncios

Papo no Café | Léo Fressato

Exibido em: 30/06/17

Cantor e compositor, Léo Fressato nasceu em Brasília, mas ainda pequeno veio morar em Curitiba – cidade que influencia em sua produção artística.

Formado em Artes Cênicas pela Faculdade de Artes do Paraná (FAP), ele faz questão de usar o lado teatral.

No programa de hoje, Léo nos conta sua trajetória artística e a relação do amor com suas músicas.

Papo no Café | Marcio Abreu

DURAÇÃO: 32 MINUTOS

Exibido em: 20/05/17

Marcio Abreu é o nosso convidado para o Papo no Café de hoje e vamos conversar sobre sua trajetória artística, detalhando suas formações e seus trabalhos.

Ele, que é um dos fundadores da Companhia Brasileira de Teatro, nos conta como a arte cênica entrou em sua vida e qual foi a contribuição de Curitiba nesse processo. O diretor teatral  realizou também uma reflexão crítica a respeito do cenário político que o país vive.

https://youtu.be/1NiCrkzS3MQ

Cine Federal | Onde Os Outros Não Existem

Exibido em: 29/04/17

DURAÇÃO: 30 MINUTOS

No programa de hoje, falamos sobre produção independente e, também, sobre um projeto que alia audiovisual e teatro em escolas públicas de Curitiba – o Teatrando na Escola.

A ideia que começou nas Artes Cênicas ganhou as telas recentemente com experiências em curta-metragem e com o filme “Onde os outros não existem”.

Convidamos o pedagogo e ator Clau Lopes e o diretor do filme Raphael Pereira para falar sobre o projeto e sobre a produção audiovisual.

Confira o trailer de “Onde Os Outros Não Existem” no link: https://www.facebook.com/ondeosoutrosnaoexistem/videos/804636206362140/

Memória UFPR | Alaor de Carvalho

DURAÇÃO: 5 MINUTOS

Exibido em: 12/04/17

 

 

Alaor de Carvalho, formado em Artes Cênicas pela Faculdade de Artes do Paraná, em 1996 entrou na UFPR para compor o elenco da companhia de teatro e desde então não saiu mais!

Hoje, ele é professor do Setor Litoral e nos conta como foi essa trajetória que dura 21 anos.

#ValorizaUFPR